Os 6 benefícios de estudar ouvindo música


Adorado para alguns, evitado por outros; estudar ouvindo música pode ser um grande aliado na sua concentração. Conheça os 6 benefícios e bons estudos!

Compartilhar

Durante muito tempo, misturar música com os estudos não era muito bem aceito. Afirmava-se que a música atrapalhava na concentração.

Após estudos e práticas, pode-se afirmar que há vários benefícios ao aprendizado.

Porém, não é regra geral. Você precisa testar, caso ainda não tenha estudado desta forma.

Na verdade, para muitas pessoas estudar ouvindo música realmente atrapalha. Isso porque cada indivíduo possui peculiaridades e pode ser que para você estudar ouvindo música não seja tão produtivo.

Descubra o que melhor funciona no seu plano de estudos.

Portanto, conheça os benefícios de estudar ouvindo música listados abaixo e faça alguns testes.

Estudar ouvindo música melhora o desempenho

Adorado para alguns, evitado por outros; estudar ouvindo música pode ser um grande aliado na sua concentração. Conheça os 6 benefícios e bons estudos!

Ouvir músicas, preferencialmente sem letra, durante os estudos faz com que as duas partes do cérebro trabalhem em harmonia.

O lado esquerdo é responsável pelo pensamento lógico e linguagem, o direito, pela criatividade e emoções. Por isso, enquanto você estuda, lê ou resolve exercícios ouvindo música poderá ter melhor desempenho.

Porque as músicas sem letras não exigirão mais esforço do seu lado esquerdo, tentando identificar a letra. Assim, o lado direito ficará com a melodia e o esquerdo com os estudos.

Essa afirmação tem como base uma pesquisa realizada pela psicóloga Dr. Emma Gray, especialista em terapia do comportamento cognitivo.

Ela apontou que alunos que ouvem música clássica com 60 a 70 batidas por minuto enquanto estudam tem um desempenho, em média, 12% maior em matemática.

Desse modo, busque por uma playlist com músicas clássicas ou instrumentais e bons estudos.

Estudar ouvindo música mantém o foco

Outro benefício apontado em pesquisa é que estudar com músicas clássicas pode levar o estudante a ficar mais tempo concentrado na mesma atividade.

Isso significa que a durabilidade da sua concentração pode aumentar e, consequentemente, sua capacidade de absorção do conteúdo também.

Estudar ouvindo música auxilia no potencial criativo

Para aqueles que não curtem músicas muito calmas, também é possível estudar com músicas mais animadas.

Elas podem ajudar na elaboração de projetos e trabalhos que envolvam criatividade. Isso porque despertam o lado responsável pela emoção.

Que tal ouvir um pop ou um rock?

Estudar ouvindo música alivia a tensão

Os sons da natureza acalmam o estudante e o deixam mais relaxado para estudar.

Se você estiver muito ansioso com a prova, sugiro que ouça músicas mais calmas, sem letra e respire fundo. Os efeitos positivos poderão se estender para o foco nos estudos.

Estudar ouvindo música estimula a memorização

Os sons instrumentais, por exemplo, podem ajudar no armazenamento das informações estudadas.

Além disso, quem nunca ouviu que as paródias são ótimas aliadas na memorização de conteúdo?

Conteúdos que contenham processos longos ou ciclos podem ser memorizados com o uso de paródias.

Músicas são ótimas para estudar idiomas

Com base na minha experiência, esse é uma das melhores formas de estudar idiomas.

Eu simplesmente adoro aprender música nova, entender o que diz a letra e conseguir cantar no ritmo.

Praticar uma nova língua com música auxilia na pronúncia, no reconhecimento do som das palavras, na memorização de vocabulário, além de estruturas gramaticais cotidianas.

Se você é daqueles multitarefas, aposto que adorou essas dicas.

São vários os benefícios, além de ser divertido ou tornar o estudo mais interessante e produtivo.

É claro que ouvir uma música que você não gosta não vai funcionar muito bem. Você poderá ficar irritado e perder de vez a concentração.

Então, encontre um estilo com o qual você se sinta bem.

Até mais!

Compartilhar

estude gratuitamente
com a kultivi

CADASTRE-SE