SISU 2020: tudo sobre a inscrição do primeiro semestre


O Sisu 2020 está com inscrições abertas para o segundo semestre e os estudantes que fizeram o Enem 2019 podem se candidatar.

Compartilhar
SISU 2019: tudo o que você precisa saber sobre a inscrição

As médias do Enem 2019 serão divulgadas no dia 17/01/2020 e, provavelmente, você está ansioso para fazer a sua inscrição no Sisu 2020 e garantir a vaga no curso tão sonhado.

As inscrições para o primeiro semestre do Sisu 2020 começam no dia 21/01/2020.

Mas antes de começar a inscrição é importante você estar informado sobre como funciona o Sisu.

Por isso, eu sugiro que você leia este artigo até o final. Depois reflita sobre suas opções de curso e pesquise quais Universidades estão participando.

Bem como você já sabe, desde 2009, quando o Ministério da Educação criou o Sistema de Seleção Unificada (Sisu), o Enem tornou-se ainda mais importante para garantir uma vaga nas IES públicas brasileiras.

As vagas disponíveis foram aumentando ao longo dos anos. Em 2010 o Sisu tinha 47.913 vagas disponíveis. Em 2018 foram 239.601 vagas.

Já no Sisu 2019, foram oferecidas 235.476 vagas em 129 instituições de todo o país, no primeiro semestre. Dados informados pelo Ministério da Educação (MEC). Em 2020, as 128 instituições oferecerão 237.128 vagas.

Confira a lista de instituições participantes.

Saiba como efetuar a sua inscrição. Como funciona a lista de espera, acompanhamento da inscrição e resultados para o Sisu 2020 1º semestre.

Como funciona o Sisu?

A inscrição no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) é online, na página do Sisu, sem cobrança de taxas.

Para iniciar o processo o candidato precisa ter feito o Enem 2019 e não pode ter nota zero na redação.

Já conferiu sua nota no Enem 2019?

O processo de seleção acontece duas vezes no ano. No início do primeiro semestre (21/01/2020 a 24/01/2020) e no início do segundo semestre.

O candidato pode usar a nota do Enem 2019 para candidatar-se para duas opções de curso,em ordem de preferência, informando o curso, a instituição, o local de oferta e o turno desejados.

A primeira e segunda opção pode ser na mesma universidade, em estados diferentes ou o mesmo curso da mesma faculdade, mas em turnos diferentes.

As inscrições do primeiro semestre Sisu iniciam dia 21/01/2020 e finalizam em 24/01/2020, as 23h59.

Como participar da lista de espera do Sisu?

Candidato poderá participar da lista de espera para a primeira e segunda opção de curso, mas esse procedimento não é automático. O candidato precisa sinalizar este interesse no site do SISU.

O prazo para participar da lista de espera é de 29/01/2020 a 04/02/2020.

É muito importante que o candidato escolha as duas opções com bastante responsabilidade. Isso porque, se aprovado na segunda opção, não é possível participar da lista de espera da primeira opção, como era nos anos anteriores.

É aconselhável que o candidato escolha os cursos de acordo com a sua vocação, não apenas para conseguir uma vaga, já que se passar é obrigado a fazer matrícula para não perder a vaga do primeiro semestre.

Essa mudança no Sisu, desde 2019, foi estabelecida para agilizar o processo de aprovação.

Portanto, para saber se você foi aprovado nos cursos, é necessário acompanhar as listas atualizadas diariamente pelo Sisu.

Os resultados e datas de matrículas serão publicados nos sites das universidades que você escolheu.

Há nota de corte no Sisu?

O Sisu calcula diariamente a nota de corte para cada curso.

Para fazer esses cálculos são levados em consideração o número de vagas disponíveis e o total dos candidatos inscritos naquele curso, por modalidade de concorrência (ampla concorrência, lei de cotas e políticas afirmativas).

A nota de corte é calculada uma vez ao dia e não é uma garantia de seleção para a vaga, serve para acompanhamento do candidato.

Com base na lista, que informa a ordem dos inscritos para determinada vaga, é possível alterar o curso de interesse durante o processo.

Assim, o candidato pode avaliar se a disputa pela vaga ainda é viável ou se prefere mudar de curso.

Algumas instituições exigem notas mínimas para inscrição nos cursos. Nesses casos, no momento da inscrição, se o candidato não possui nota suficiente para concorrer ao curso selecionado, o sistema emitirá mensagem com a informação.

O sistema faz os cálculos automaticamente, caso o curso selecionado tenha peso diferente e a nota será exibida na tela. Durante o período de inscrição o candidato pode acompanhar sua classificação parcial do curso selecionado.

Quais são os documentos necessários para a inscrição no Sisu?

Para a inscrição no Sisu, o candidato precisa apenas do número de inscrição e senha (mais atual) cadastrados no Enem de 2019.

Porém, caso o candidato tenha sido aprovado em alguma Instituição de Ensino Superior, deve confirmar quais são os documentos necessários para a matrícula na Universidade em que foi aprovado.

Há somente uma chamada para a matrícula e os prazos são determinados pela instituição de ensino e não pelo Sisu.

Fique atento!

Como saber o resultado do Sisu?

O resultado do Sisu pode ser consultado no boletim do candidato, na página do Sisu, nas instituições participantes e na Central de Atendimento do MEC.

E para facilitar o acompanhamento do processo, o Sisu também disponibiliza um aplicativo de download gratuito.

Fique atento às datas e boa sorte!

Compartilhar

estude gratuitamente
com a kultivi

CADASTRE-SE